domingo, maio 06, 2007

Off line, on road



Durante boa parte desta semana estive em visita às Minas Gerais, hospedada numa simpática pousada em Capitólio, às margens do Lago de Furnas. Lugar paradisíaco, como há muito não visitava, circundado de cachoeiras e ofurôs naturais, colinas verdinhas e aromatizadas pelo cheiro reconfortante da terra. Um dos incontáveis recantos turísticos do nosso Brasil, que se faz lembrar "gigante pela própria natureza" nestes locais.
Lá, abraçada pela natureza, eu que ando muito em contato com a minha, senti-me bastante abençoada pelos momentos compartilhados não só com o belo cenário, mas com amigos queridos, compadres com quem pude dividir longas e animadas prosas. De certa forma, vivia também certo luxo por estar ali, de "papo pro ar" em tempos em que ando precisando de empréstimos de tempo no banco de Chronos. Mas, nada como recarregar as baterias e voltar ao dia-a-dia com os olhos e o coração mais limpos e frescos, a mente sã, o corpo idem.
A foto é uma amostra. Dica dada e sustentada!

23 comentários:

Anne M. Moor disse...

Amanda, queeeeeee paraiiiiiiiiiiiso! Obrigada por compartilhar conosco... Beijo grande.

Lú. disse...

Que bom te VER tão relax,recarregando as baterias.
Lugar especial as Minas Gerais mesmo.Terra fértil, berço de tantos dos nossos grandes escritores;eiras e beiras na construção da nossa literatura.
Beijos(2).
Estava com saudades dos seus posts...

Luisa Fernanda disse...

Querida, se ve que pasaste por una flajelación permanente, me encantó tu alegoría de la banca de Chronos...

Walmir Lima disse...

Que bom! Já levas teu grãozinho de gente pra conhecer os paraísos brasileiros. Mais um, educado pelo belo, a pertencer e compor o futuro de nossa blogosfera.

Ti disse...

Amanda,

Sempre que passo por estas experiências em contato com a natureza me pergunto se é tão especial porque realmente as paisagens são deslumbrantes ou se porque nossa mente relaxa tanto que conseguimos ver a beleza da natureza tão viva a nossa volta!!

Passo em frente ao parque Ibirapuera todos os dias e não consigo ter a mesma sensação...

De qualquer forma, que belo momento de prazer!!

Udi disse...

Amanda,
Minas é pura magia! Também estive por lá durante o feriado e voltei in love! De novo a sincronicidade: aproveito a deixa prá compartilhar com você e com todos da minha alegria.
...a vida está de cabeça prá baixo (e feliz!), por isso ando blogando tão pouco.

Lú. disse...

Udi,
Entao:Viva Minas, e viva o amor.
Uai!
Bjo

Anne M. Moor disse...

Viiiiiiiiiva o amor Udi! De cabeça pra baixo é uma posição bem boa... :P
Parabéns querida!!!
Bjos

Lú. disse...

Anne(great!)
Não é a toa que nós damos tão bem...(rss).
Lú.

Anne M. Moor disse...

A Amanda que me perdoe a irreverência... hahahahaha

Amanda Arthur disse...

Rsrsrs... estou me divertindo aqui!
E adorando o clima love is in the air.
Fiquem à vontade. A casa é sua!

Walmir Lima disse...

Viva! A Udi voltou!

Walmir Lima disse...

Eu estava desconfiado de tinha coisa no ar. Só não sabia que eram as pernas da Udi.(...hehehe...)

Flavio Ferrari disse...

Quando as coisas belas que a natureza cria se juntam, tudo fica mais bonito...

Anne M. Moor disse...

Mais uma vez poetando Flávio...

Ernesto Dias Jr. disse...

Ué... e essa barriga... não cresce não?

Luisa Fernanda disse...

Querida ese mato donde está es fantástico, había un cascada cerca (cachoeira)? Dime que comías de desayuno (café da manhã) almuerzo y cena, cuales son en resumen las comidas típicas del lugar, su origen. Besos

Udi disse...

Vocês são maravilhosos! De coração aquecido, agradeço a todos e nem preciso convidá-los prá ficar felizes comigo pois todos já estão... na verdade, vocês é que me captaram prá essa felicidade.

Estou rindo muito de todas as brincadeiras :))) cumplicidade que só existe entre amigos de verdade.

Amanda Arthur disse...

Udi, já viu que a torcida é grande, né?!
Luisita, o melhor de Minas, na minha opinião, são os "postres"... Doce de Leite, doce de coco, doce de abóbora... E essas maravilhas acompanhadas do queijo frescal legítimo... Hum! Come-se rezendo e agradecendo! Se você ainda não esteve por lá, vale a pena.
Ernesto, barriga por enquanto só de comida. A de grávida começa a aparecer...
Ti, acho que o estado de espírito é o que nos permite sentir assim ou assado. Em São Paulo, dentro de um carro, no trânsito, o sangue pulsa em outro ritmo. Bom também, mas de outra forma!

Walmir Lima disse...

Muito feliz por ti, Udi. Ame com paixão.

Walmir Lima disse...

Amanda: Pelo jeito como teu grãozinho de gente já está comendo, logo logo tua barriguinha aparece.

Flavio Ferrari disse...

Udi: deixei passar essa ... achei que era in love pelo local (sempre fui meio ingênuo).
Daqui p'ra frente, só te trato de Dona Udi, em respeito ao príncipe...

Luisa Fernanda disse...

A ver carajo....yo ya estoy perdiedndo una, por un comentario ahí me pareció Amandita que estás esperando bebé...si entendi mal pedón. AHORA creo que entendí bien entre esta maricada toda... si es así, simplemente ya te jodiste por que me dices el mes y voy al bautizmo (jódanse todos los de otra religiones que visitan este blog, tengo que buscar un pretexto para ver el hijo((a))de Amandita porque es mi amiga).
Solo dime Amandita cuando puedo visitar al retoño si interpreté bien las palabras de los cuates aqui. Después de todo lo que vivimo una de las cosa que mas deseo es vistarte ati, tu familia y tu bebé, si es que ya está, por favor desata el msiterio.